O que o vídeo da Xuxa na Netflix tem a ver com a sua vitrine?

Atualizado: 2 de Set de 2019


Para promover sua mais recente série, Stranger Things, a Netflix lançou na semana passada, um vídeo estrelado pela Xuxa retratando a época que se consagrou como rainha dos baixinhos e o resultado não poderia ter sido melhor.


Brincando com lendas urbanas que ela própria protagonizou no auge de seu sucesso, Xuxa volta ao tempo caracterizada como na época em que apresentava seu programa matinal.


E o que isso tem a ver com a sua vitrine?


Calma, nós vamos chegar lá, confie em mim.


Você notou que destacamos a palavra promover?


Isso porque, este vídeo nada mais é do que uma propaganda da série Stranger Things.


Porém eu te pergunto: isso parece uma propaganda?


Nem um pouco e esta é a ideia.


Se olharmos no contexto politico, econômico e social, o país passou por intensas transformações nos últimos anos, marcado pelo inicio do plano real.


Os hábitos de consumo, mudaram muito com o advento da tecnologia e o amplo acesso à internet.


Porém muitos lojistas ainda tem gerenciado seu ponto de venda como se nada tivesse mudado.


E é preciso se adaptar a este novo conceito.


Se antes o consumidor precisava do ponto de venda para comprar, hoje a relação inverteu, o lojista precisa atrair o consumidor para ele talvez comprar.


Agora pense nos seguintes tipos de propagandas, e a qual delas você se sente mais atraído?


- Aquela em que você está assistindo um programa e de repente no ponto alto da matéria, o apresentador corta e diz: vamos dar uma palavrinha dos nossos patrocinadores?


- Ou aqueles pop ups (janelas de sites) que pulam na frente da tela que você está usando, e que para deixar de vê-la você deve clicar para fechar?


- Ou panfletos que você recebe nas ruas?


Se você está entendendo a linha de raciocínios, a resposta é nenhuma. 


Faça um esforço para não pensar como vendedor, mas pense do ponto de vista do cliente.


Você como cliente gosta deste tipo de abordagem?


Então seu cliente também não irá gostar.


E foi por isso que citamos o exemplo do vídeo do Netflix.


O vídeo é uma propaganda, mas não se parece em nada com uma propaganda, e é por isso que fez tanto sucesso.



Por que estamos falando de propaganda?


E o que isso tem haver com a vitrine da sua loja?


A vitrine é uma maneira do comerciante “conversar” com os transeuntes criando uma interação entre loja/interior e rua/exterior.


É através dela que o consumidor percebe o ponto de venda e ela é portanto o início da venda estimulando ou não o cliente dirigir-se ao interior do estabelecimento.


A sua vitrine, é a propaganda da sua loja.


Estima-se porém que as pessoas veem pelo menos 500 mensagens de marketing todos os dias.


Neste sentido, pesquisas mostram que o cérebro tende a ignorar informações não importantes àquele contexto.  


Sendo assim, se o cérebro do seu cliente tende a ignorar mensagens de marketing, a solução é camufla-la, como?



Todos nós como clientes, estamos saturados de sermos expostos a propagandas de todos os tipos.


Isso acontece porque elas visam resolver os problemas daqueles vendem os produtos, e não daqueles que compram.


Voltando ao vídeo da Xuxa, eles camuflaram a promoção da série, utilizando uma história, para chamar a atenção.


E a estratégia funcionou tanto, que mesmo aqueles que como eu, não são fãs de filmes de terror (morro de medo, passo longe!), comentaram, compartilharam e espalharam a notícia sobre o vídeo, criando um efeito Buzz, um termo em inglês que quer dizer burburinho.


E como vimos, uma vitrine, nada mais é que uma propaganda da sua loja, um modo de promovê-la.


Então para atrair clientes à sua loja, você precisa camuflar a ideia de que você esta vendendo algo. Isso se faz através da técnica de Vitrinismo.  


Sendo assim, se desejar ser notado, ultrapasse a linha do previsível.  


Uma recomendação é acrescentar objetos inusitados à vitrine, como bonecos,  plantas, manequins diferenciados, elementos inusitados, réplicas de animais selvagens , etc.


Com isso, atrai curiosos, que em alguns casos chegam a tirar fotos de suas vitrines. Eles, claro, acabam entrando na loja.  


A vitrine, praticamente é um cenário, onde os personagens usam seus produtos.

Não é novidade para ninguém, que o esmalte, sapato ou roupa que a protagonista usa na novela, vira tendência.


Isso por que o espectador cria uma conexão com a personagem, mas a personagem só faz sentido conforme você se inteira da história.


Portanto, conte uma história na sua vitrine, a historia que o seu público alvo gostaria de ser personagem, e seus produtos, faz parte para que esta história se torne realidade na vida deles.


No Dia dos Namorados, por exemplo, é fácil e cômodo pegar um punhado de itens vermelhos e colocar na vitrine.


Dá mais trabalho pensar em algo criativo.



Pense fora da caixa!


Foi o que a Netflix, fez, e se você quiser que sua loja seja notada, também precisará pensar diferente.


Vejamos mais alguns exemplos de vitrines, que foram pensadas fora da caixa:







E então, gostou do nosso post de hoje?


Se gostou, ou tem alguma critica, sugestão ou dúvida, deixa seu comentário aqui embaixo.


Nos vemos na próxima semana. Até lá.

e-book-passo-a-passo.jpg
infografico-implantaçao-franquia.jpg
infografico-como-funciona-o-manual-de-ar