Dicas práticas para a sua franquia vender mais

Atualizado: 2 de Set de 2019

O ramo de franquias está sendo explorado cada vez mais por empresários de todo o Brasil.


O investimento efetuado por uma empresa possui como modelo o objetivo de expandir os negócios, de trazer para a marca uma maior visibilidade, e aumentar a distribuição de serviços e produtos da linha.


Mas a desejada formatação de franquias pode ser um verdadeiro empecilho para empreendedores.


Não só a formatação, como também, os detalhes técnicos e legais que devem ser analisados, muito desses quesitos exigem um estudo e um bom preparo.



A Artusi Arquitetura separou algumas dicas infalíveis para essa empreitada que podem ajudar a sua franquia vender mais, confira cada uma delas:

1. O Plano de Negócios: O começo da formatação de franquias

Por que um plano de negócios é importante?


Essa etapa a ser realizada logo no começo, serve para avaliar o mercado e o estágio atual da empresa.

Essa etapa, exige levantamento de dados relacionados a investimentos necessários para o projeto.


Será analisado a rentabilidade prevista com a implementação dele.


Somente depois disso, é que será escolhido o modelo de franquia e os padrões a se seguir.

Por último, será realizado a elaboração de um Plano de Expansão, considerando o tipo de negócio e características do mercado em que atua, assim, é possível definir o perfil do franqueado que será responsável por cada unidade.




2. O fator identidade é de extrema relevância:


Garantia de coerência visual e do tipo de experiência proporcionado entre as unidades da empresa, questões são trabalhadas visando a adequada visibilidade da rede no mercado.

Nesta etapa será realizada uma análise que avalia o mercado e a empresa em seu estágio atual, objetivando conhecer se é recomendável utilizar o sistema de franquias para a expansão da marca e distribuição dos seus produtos e serviços, tudo isso para fazer a franquia vender mais e ter sucesso no mundo empresarial.

Será feito o modelo de franquia e os padrões a serem adotados, são levantados os investimentos necessários à sua implantação e projetados os resultados desta operação.


Contudo, a operação precisa ser rentável para o franqueador e para os futuros franqueados e sua atratividade comparada a outros investimentos do mercado.

Os dados são necessários para a definição do plano de expansão e estratégia de abertura das unidades.


Define-se nesta etapa, com base nos resultados obtidos, o prazo de retorno para o capital investido, a taxa de franquia, dos royalties, fundo de propaganda e demais taxas a serem cobradas dos franqueados.


Será analisado ainda o investimento que o franqueador precisará fazer para ajustar o modelo e definida a estrutura da franqueadora para a gestão do sistema e oferecimento de suporte à rede.

Com estes dados em mãos elabora-se um Plano de Expansão, de acordo com o perfil do negócio e características do mercado, e define-se o perfil do franqueado que irá operar as unidades.

3. Mantenha equilíbrio e faça sua franquia vender mais:


Ter objetivos e metas de vendas para cumprir é fundamental para uma empresa atingir os retornos financeiros planejados.


Conquanto, a cautela e a sensibilidade no momento da abordagem são importantes para não transparecer ao cliente algo como se fosse “empurrado", com o objetivo de bater uma meta.


Muitas empresas focam tanto nas metas que acabam pecando no atendimento e não atendem às necessidades dos clientes.


A venda pode até ocorrer de maneira forçada, mas com certeza não deixará boas impressões e vendas futuras serão mais difíceis de acontecer.


Então invista em gestão de sua franquia, conte com bons profissionais e capacite as pessoas que irão trabalhar em seu negócio, assim as chances de seu empreendimento ter sucesso é ainda maior.




4. Mantenha uma boa relação com seus funcionários e os motive:


A linha de frente de uma franquia está com os funcionários.


Para quem fica atrás do balcão deve ser uma pessoa da confiança do dono, e deve ser envolvida nos objetivos do negócio para que tenha a motivação necessária para abordar o cliente da melhor maneira consequentemente fazendo a franquia vender mais.


O bom atendimento é um grande aliado para realizar as vendas.


Treinamentos proporcionam um padrão de qualidade, gerando vendas facilmente.

Que tal estar aberto para propostas pensadas ao público?


Invista em feedbacks: Os retornos dos clientes sobre a satisfação com o negócio são valiosos para construir estratégias eficientes de vendas.


Se algo deu certo, ótimo.


Caso contrário, o feedback tem mais poder ainda para trazer à tona problemas a serem melhorados.


Divulgue a empresa: A estratégia de divulgação da empresa está entre os principais pilares para atrair clientes e gerar vendas, e é importante saber escolher as ferramentas adequadas para fazer esta comunicação, de acordo com cada negócio.


Por isso invista no Marketing.


Não desista na primeira reação negativa: A persistência é importante diante de uma primeira reação negativa, pois o cliente muitas vezes necessita de demonstrações mais concretas para comprar o produto ou contratar o serviço.


Invista em parcerias: Ter uma rede de parceiros que agreguem valor aos seus produtos está entre as estratégias de franqueadores para fidelizar clientes e ganhar mais competitividade no mercado.


Entre estas parcerias importantes estão os fornecedores, que geralmente já são indicados pela própria franqueada, mas que dependem de um relacionamento no dia a dia para serem melhores aproveitados.


Sempre entregue aquilo que promete: Porque não muda nada fazer uma grande divulgação do negócio e, no momento da venda, o cliente perceber que o produto ou o serviço oferecido não condiz com a realidade.


Não deixe de entregar o que foi prometido, se houve um acordo, os dois lados deverão cumprir.


Investigue todas as formas de pagamento: Mesmo quando a qualidade do produto ou do serviço é alta e o valor a ser pago é justo na visão do cliente, o montante de pagamento pode se tornar um empecilho.


Em casos como esse, pode ser necessário explorar diferentes formas de pagamento e até parcelamentos para ajustar a venda ao orçamento do cliente, pois isso pode deixar o cliente mais seguro em fechar negócio com a rede.


Invista em qualidade nos seus produtos: A compra pode até ser por impulso, mas para fidelizar clientes e aumentar as vendas com o passar do tempo é necessário garantir que o seu produto ou serviço tenha excelência.


Fique atento com a concorrência: Saber o que os concorrentes estão fazendo para conquistar clientes é importante para planejar a própria estratégia.


É necessário estar atento para não perder clientes, e conseguir enxergar brechas de outras marcas, podendo gerar um atendimento diferenciado, esta atitude faz sua franquia vender mais e gera vantagem competitiva.


Na formatação de franquias, fique atento: Fazer uma análise de Franqueabilidade, incluindo Estudo de Viabilidade Financeira, onde será constatada a viabilidade para expansão através de franquias.

Serão elaborados os documentos legais, como: Circular de Oferta, Contrato e Pré-contrato da Franquia.


Incluindo o processo de formatação que descreve todos os processos administrativos e operacionais padronizados, em manuais específicos, criando que tais processos sejam reproduzidos pelos franqueados da Rede.


Quanto aos processos administrativos, o aumento de redes de franquias acontece através da implantação de novas unidades da empresa.


E é dessa maneira que uma rede cresce.


Pelo meio da oferta do direito de uso da marca a empreendedores que se tornam franqueados.

A maneira como é feita a expansão das redes acaba sendo um dos principais fatores de sucesso da franchising.


Afinal de contas, o modelo se demonstra vantajoso para empreendedores que querem ter o próprio negócio, mas não estão dispostos a investir em algo que não seja seguro.


Responsabilidades do franqueador durante a implementação:

Pesquise mercados: leve em conta que uma rede de franquias tenha um projeto de crescimento com objetivos bem definidos.


Para tal organização, o planejamento é necessário, e precisa ser bem feito.



O franqueador, antes de dar aval à implantação das novas unidades da marca em determinados territórios, pesquise mercados potenciais que ofereçam um perfil de público-alvo que esteja de acordo com os interesses da marca.


Na entrevista de seleção de potenciais franqueados, empreendedores interessados na empresa, deve considerar o perfil do profissional de cada um.


O papel da Arquitetura na implementação de uma franquia:

A Artusi Arquitetura sugere que o franqueador analise as qualificações e a compatibilidade com os serviços oferecidos pela empresa.


Sendo necessário levar em conta a rotina de trabalho do operador de uma unidade.

Nesse sistema, muitas vezes, o franqueado não entende sobre a importância de um treinamento.


Para que a franquia vender mais, é essencial que o franqueado tenha o know-how necessário para gerir a unidade adquirida.


Pensando sobre a formatação de franquias, seus processos administrativos e a responsabilidade de implementação de negócio, a elaboração do projeto de arquitetura é necessária para concluir todo o desenvolvimento proposto, fazendo um parte do outro.

Cada projeto arquitetônico ou decorativo devem estar contemplados no manual de franquia, que servirá de guia para orientar a implementar a proposta de modo efetivo.

Sua padronização é parte essencial nos projetos de Arquitetura, pois as diferentes lojas precisam ter uma comunicação visual clara, em sintonia com os valores da marca e com as características da marca.


Por isso, a contratação de profissionais que trabalhem com projetos arquitetônicos para empresas e franquias é de suma importância para evitar surpresas e eventuais dissabores.

Por que a Arquitetura contribui para que o consumidor reconheça a identidade da marca?


Se for demonstrada de modo coeso e sólido, a Arquitetura fará uso de elementos como o design, o tipo de mobiliário, materiais, o estilo da fachada, a disposição dos espaços e a ambientação geral do estabelecimento.



Por isso, alcançar a identidade da marca através da Arquitetura auxilia a franquia vender mais, resultando bons rendimentos e sucesso no negócio investido.


Portanto, ao planejar uma formatação de franquia é fundamental contemplar um projeto arquitetônico alinhado com a comunicação visual, sem esquecer em hipótese alguma os valores da linha franqueada.

e-book-passo-a-passo.jpg
infografico-implantaçao-franquia.jpg
infografico-como-funciona-o-manual-de-ar