5 erros comuns de iluminação de loja



Sabia que o tipo de iluminação de uma loja pode se relacionar com a satisfação dos funcionários e dos clientes? Muitas pessoas "pecam" ao acreditar que o qualquer tipo de iluminação pode ser usada em lojas.


Uma boa iluminação pode auxiliar ainda mais o layout e na decoração da loja, e consequentemente influencia um o cliente sobre a decisão de adquirir o produto ou não.


Existem diversos erros que cercam este universo e colocam seu negócio em risco, confira: Quais são os 5 erros mais comuns? 1. Achar que a iluminação não interfere na decisão de compras e não investir; 2. Fazer a seleção errada de cores para cada ambiente; 3. Não contratar um profissional que entenda do assunto; 4. Utilizar cores fortes em paredes quentes ou escuras; 5. Não investir em luminárias; Como o foco deste estudo é referente à iluminação, conheça seus objetivos principais: - Atração ao consumidor; - Efetivação de compras; - Proporcionar um espaço confortável; Ao atrair o cliente para o interior da loja, com uma boa iluminação, o cliente pode se sentir como se estivesse em casa, ao relaxar, o ambiente estará mais atrativo para se interessar em dar uma boa "olhada" pelos produtos.

Mas como ter uma iluminação excelente em sua loja?

O importante é realizar um planejamento.


Se você é uma pessoa mais “ambiciosa” em gerar mais vendas, a iluminação precisa ser mais que atraente, lembre-se que precisa ser funcional. Através da iluminação, é possível adequá-la com a identidade da loja e da sua marca. Você consegue adicionar características de efeito. Imagina o seu cliente se deparar com um efeito visual e se encantar com a sua loja?


Lembre-se, se a primeira impressão é que realmente fica, seu cliente poderá se relacionar a sua loja como uma memória boa sobre o ambiente. A segunda etapa é que você entenda sobre os tipos de iluminação.


Será que você realmente conhece os tipos de lâmpadas? Isso porque cada modelo investe em um segmento diferente, o que resulta em diferentes vantagens de modelo para modelo.


A iluminação pode ser forte, mas econômica, ou até mesmo ser fraca e consumir muita energia!


É preciso estar atento! Já idealizou que tipo de iluminação ficaria mais interessante na sua loja?


Já está pensando na etapa de realização de testes? Está no mercado dois tipos iluminação de loja, quais são elas? Tipos de lâmpadas: dirigida e a difusa: Falando sobre a luz dirigida, ela cria uma iluminação de um objeto ou plano de trabalho específico. Enquanto a luz difusa é mais ampla, então, ela ilumina quase o ambiente inteiro da loja. Optando pelas duas, é necessário que você faça um balanceamento dessas iluminações. Para a luz dirigida, você pode optar por inúmeras luminárias que combinem com a identidade visual da sua loja. Fique atento quanto a intensidade da sua iluminação! Aqui, falamos sobre um jogo de cores, e é aqui que o recurso da iluminação toma forma! As lojas que possuem produtos mais caros pedem uma intensidade menor, então, o foco é centralizar a luz na beleza dos produtos, mas jamais nos preços!


A menos que o preço esteja bem em conta! Se as cores nas paredes possuem uma função, o ideal é que o seu tipo de iluminação combine com cada uma delas!


Você conhece seu público-alvo? É importante saber disso porque o tipo do seu público interfere na iluminação.


Sabendo qual é o seu público, será mais provável de conseguir uma iluminação interessante e que atraia o seu público-alvo para dentro da sua loja. Se o seu negócio se tratar de uma loja popular, uma iluminação sofisticada pode não ter a ver, fazendo um jogo de imagens que não interesse o consumidor a desperdiçar muito tempo na loja. É muito importante que você passa pela etapas de testes antes da inauguração do seu novo ambiente. Mas resumindo, ao optar por uma iluminação com mais claridão, forte e padronizada, ela é a iluminação ideal para as lojas populares. Para as lojas sofisticadas, é preciso optar por uma luz que proporcione uma maior concentração de relaxamento, podendo fazer uso de jogos de luz e sombra, fazendo uso de luzes quentes e amarelas, que proporcionam um local mais acolhedor e sofisticado. Não esqueça de saber sobre a temperatura da lâmpada.


Ela influencia diretamente nas sensações e impressões quando um cliente chega em um determinado ambiente. Como já mencionado, as lâmpadas com tonalidade mais quente são relaxantes e acolhedoras, enquanto as mais frias são energizantes, e pode desencadear sensações mais ativas no corpo.

Estude sobre o uso de cores na iluminação: Se você deseja criar um ambiente mais despojado, e quer investir em diferentes tipo de cores nas iluminações de uma loja, é importante pesquisar bastante.

O recomendado é que ao iluminar uma, você não coloque inúmeras cores. Sabendo usar, você conseguirá adequar uma boa identidade visual para o espaço. Se você fizer um jogo de cores, é possível decorar e complementar o visual com produtos expostos, que criem uma harmonia com a identidade da loja e da sua marca. Se você deseja chamar atenção para sua vitrine, saiba que a iluminação também conta.


A exposição de roupas, sapatos, e etc., precisando ser valorizados, portanto, se você colocar uma luz muito forte, você poderá ofuscar com a luz de dentro da loja a sua vitrine por fora. É importante realizar uma seleção de lâmpadas para que esse tipo de situação não ocorra, tudo precisa ser devidamente analisado, então é por isso que muitas empresas contratam profissionais da área. Ele irá escolher o melhor tipo de iluminação, quais modelos de lâmpadas são melhores, qual o tipo de jogo de luzes dá para fazer com as cores das paredes, como destacar os produtos expostos na vitrines, e etc. O importante é que a iluminação seja bem pensada e elaborada, esse tipo de investimento é um dos que não podem faltar de jeito nenhum, já que as cores influenciam diretamente no poder de decisão final de um cliente.

e-book-passo-a-passo.jpg
infografico-implantaçao-franquia.jpg
infografico-como-funciona-o-manual-de-ar